A fé, a visão e a coragem de Davi

A fé, a visão e a coragem de Davi

Davi era o oitavo e mais novo filho de Jessé e, portanto, desprezado pelo seu próprio pai. Por ser ainda jovem, ele ficava cuidando das ovelhas, enquanto seus irmãos adultos iam para as guerras.

Mas aquele jovem era de FÉ, tanto que havia vencido um urso e um leão, quando estes tentaram tomar as ovelhas do rebanho de seu pai. Davi sabia que nada nem ninguém poderia desafiar o Deus de Israel – principalmente o incircunciso gigante Golias.

Mas como a FÉ anda junto com a VISÃO e a CORAGEM, Davi perguntou o que seria feito ao homem que derrotasse aquele gigante.

A promessa era a seguinte:
1. O rei o enriquecerá de grandes riquezas;
2. O rei lhe dará a sua própria filha em casamento;
3. O rei livrará a casa de seu pai dos impostos em Israel.

Pronto!
Imagine a mente de Davi, que era preterido por seu pai e seus irmãos, depois de ouvir essas coisas!

Ele teve a visão de como a sua vida seria. E ele sabia que o Deus de Israel não iria desampará-lo. Afinal de contas, era a honra do Próprio Deus que estava sendo desafiada.

Aí faltava apenas a CORAGEM. E isso Davi tinha de sobra!

Ele não precisava de armadura nem de espada para vencer aquele incircunciso. Ele precisava apenas da coragem para agir.

Ainda que a vida dele estivesse sendo colocada em risco, Davi sabia em Quem cria.

Disse mais Davi: O Senhor me livrou das garras do leão, e das do urso; Ele me livrará da mão deste filisteu.

Não tinha como o rei Saul impedi-lo.

Então disse Saul a Davi: Vai, e o Senhor seja contigo. 1 Samuel 17.37

Aquele jovem então tomou cinco pedras do ribeiro – mas na verdade só precisou de uma.

Davi lançou a pedra, mas Quem a direcionou à testa do gigante foi o Próprio Deus.

Aquele menino desprezado acabou se tornando um dos maiores reis de Israel.

Aquela pedra (Jesus) usada por Davi já estava naquele ribeiro. Qualquer um poderia ter lançado aquela pedra contra o gigante.

Mas, de onde veio a FÉ, a VISÃO e a CORAGEM do jovem Davi?

Antes dessa luta, Samuel o havia ungido, e o Espírito do Senhor havia se apoderado de Davi.

Então Samuel tomou o chifre do azeite, e ungiu-o no meio de seus irmãos; e desde aquele dia em diante o Espírito do Senhor se apoderou de Davi. 1 Samuel 16.13

É para isso que Deus nos dá o seu Espírito. Não é para falarmos em línguas e ficarmos louvando-O, mas sim para termos FÉ, VISÃO (imaginação) e CORAGEM para tomarmos as atitudes necessárias.

Fonte: Bispo Macedo

Deixe seu comentário